RPODConectar-se

Redações para o Enem


Compartilhe

descriptionRedação de Mateus Anjos / Caminhos para combater o abuso sexual de crianças e adolescentes

more_horiz
Na mitologia grega, a idade não era um caráter eliminatório para uma relação sexual. As divindades se relacionavam com os mortais que, muitas vezes não tinham 10% da idade do respectivo deus. Isto, naquele universo, era visto como algo perfeitamente normal; assim como na nossa antiguidade, pois, jovens eram forçadas a se casar com nobres mais velhos, submetendo-se as suas vontades; as vezes em pró dos dotes ou simplesmente por terem sido compelidas pelos pais para a tão sonhada estabilidade.

Os dados do Sistema de Informações de Agravo de Notificação do Ministério da Saúde (Sinan) mostram que 70% das vítimas de estupro no Brasil são crianças e adolescentes. O código civil diz que a partir dos quatorze anos, caso o ato sexual seja consensual, não haverá nenhuma infração. Porém, ao contrário do que muitos acreditam, um adolescente pode ser facilmente manipulado por um adulto e consequentemente, achar que está obtendo um momento mágico quando na realidade fora abusado de forma indireta.

O abuso sexual de crianças e adolescentes se dá pela inocência do menor, visto que, não sabe discernir uma situação de perigo iminente e consequentemente, acata as ordens dadas pelo estuprador. Além disto, por muitas vezes, o acontecimento não é repassado aos pais e não há nenhum registro de ocorrência, logo, o infrator está livre para fazer isto com mais menores cidadãos.

Portanto, medidas são necessárias para resolver esse impasse, tais como: programas educativos na escola, ministrados pelo Ministério da Educação, estes, devem focar no amadurecimento da criança. Mostrá-la que apesar de ser uma situação horrível, deve-se falar sobre e denunciar para impedir que aconteça com outras crianças. Ademais, “O ser humano é aquilo que a educação faz dele”, a partir desta frase do filósofo Immanuel Kant, podemos ver o quanto o papel dos pais é crucial. Por fim, a conscientização através da propagação por mídias sociais deve ser feita pelo MEC, orientando os pais para uma criação mais segura: evitando exposições desnecessárias, confiabilidade e afins.

descriptionRe: Redação de Mateus Anjos / Caminhos para combater o abuso sexual de crianças e adolescentes

more_horiz
"vezes"


vezes,

"Isto"


Isso

"pró"


prol

"que"


que,

"e"


e,

"que, não"

que não

"e"


e,

"isto"


isso

"estes,"


estes


"Porém, ao contrário do que muitos acreditam, um adolescente pode ser facilmente manipulado por um adulto e consequentemente, achar que está obtendo um momento mágico quando na realidade fora abusado de forma indireta."


Explique melhor como se dá essa manipulação.

"Além disto, por muitas vezes, o acontecimento não é repassado aos pais e não há nenhum registro de ocorrência"


Por que isso acontece?

"Na mitologia grega, a idade não era um caráter eliminatório para uma relação sexual. As divindades se relacionavam com os mortais que, muitas vezes não tinham 10% da idade do respectivo deus. Isto, naquele universo, era visto como algo perfeitamente normal; assim como na nossa antiguidade, pois, jovens eram forçadas a se casar com nobres mais velhos, submetendo-se as suas vontades; as vezes em pró dos dotes ou simplesmente por terem sido compelidas pelos pais para a tão sonhada estabilidade."


A questão da exploração sexual não ficou muito clara nesse exemplo.

"Mostrá-la que apesar de ser uma situação horrível, deve-se falar sobre e denunciar para impedir que aconteça com outras crianças"

Como? Explique melhor de que maneira esses programas funcionariam.
"o papel dos pais é crucial"

O que eles devem fazer?
"confiabilidade"

Evitando a confiabilidade? Explique melhor o que isso quer dizer.

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum